quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Ainda não sou magra!

É meninas, AINDA não sou magra.

Sou uma gorda emagrecida...

O que fazer para ser magra? (É grande mas é MASSA!)

A ciência responde:
''Após tentativas, dietas, tratamentos você conseguiu atingir o peso desejado, você agora é magra!
Infelizmente não é bem assim.
A pessoa que foi gorda ou obesa irá manter de maneira latente, a tal “tendência de engordar”. Por isso é um “gordo emagrecido”.
Está magro, mas NÃO É MAGRO. E só estará magro enquanto se mantiver em tratamento.
Jamais poderá comer como antes ou voltará a engordar. É duro? É duro! Mas é a realidade.
E não para aí. A grande maioria das pessoas que emagrecem volta a engordar em um ano.
Não é terrorismo. É preferível que você saiba o que lhe espera se quiser continuar magra...
Obesidade não tem cura, tem tratamento. Potencialmente, você pode recuperar o peso se descuidar.
É doença crônica! Por isso, mais que dieta e medicamento, é MUDANÇA DE ESTILO DE VIDA!
Emagrecer é menos difícil que manter o novo peso.
Quando você se lança num processo de emagrecimento e começa a perder quilos e mais quilos recebe uma recompensa social. As pessoas notam, elogiam. Você, feliz com a “notoriedade” se lança a perder mais e mais quilos. Aí, chegando onde deseja, esse retorno social para.
Após algum tempo as pessoas sequer farão menção ao fato. Comportar-se-ão como se fosse a coisa mais natural do mundo!
Nutricionalmente, ao longo do emagrecimento, havia rigor na dieta. Na manutenção ocorre a flexibilização das quantidades e da qualidade do alimento, que não pode ser confundida com “liberdade total”.

Algumas pessoas confundem emagrecimento com mera perda de peso. O novo estilo alimentar deverá ser respeitado. Dietas “loucas” ou “regimes” são as melhores maneiras de voltar a engordar, se é que conseguirá emagrecer. O “caminho mais curto” aqui não é o melhor.


Por outro lado, a permanência no novo peso por grande período de tempo promove adaptações no organismo que o tornarão mais resistente a acumular gordura novamente, mas nunca na mesma proporção da pessoa que não é gorda.

''As células gordurosas produzem a leptina, hormônio que informa ao cérebro que os estoques de gordura estão preenchidos. Quando há uma perda de peso significativa os níveis de leptina diminuem e o cérebro entende que é preciso comer mais para repor a quantidade de gordura no organismo. Nas dietas muito radicais o estômago também produz mais grelina, o hormônio da fome.
O organismo precisa de um tempo para se acostumar com o novo peso, em média um mês para cada quilo perdido, então, se você emagreceu 22kg terá que manter esse peso por 1 ano e 10 mêses para apagar da memória do organismo, que um dia foi gordinho. Imagine um mapa que passa anos enrolado e amarrado por um barbante. Quando tentamos desenrolá-lo, ele enrola novamente. Para que volte à forma original, é preciso alguns cuidados, como colocar peso nas pontas ou mesmo enrolá-lo ao contrário. Por isto, nunca abandone a dieta radicalmente logo que alcançar o peso ideal. Continue lutando com a sua reeducação.''

E o aspecto mais importante: psicologicamente você deverá estar equilibrada! Se anteriormente comia por ansiedade ou compulsão, fez um “sacrifício” para perder peso e não tratou dessa ansiedade, tenha certeza: Você voltará a engordar.
Se o excesso de comida exercia uma função em sua vida, preservá-la da intimidade, protegê-la do convívio social, anestesiar sua sexualidade, entre outras, procure conhecer-se melhor ou nada feito! Os quilos estarão de volta!
Quanto tempo dura o tratamento? O RESTO DA VIDA! ''

11 comentários:

  1. ai amiga lendo isso desanima né rsrs.
    mas é bom por que agente já escolhe o que agente vai querer pra nós, ser magra o resto da vida comendo saudavelmente ou ser gorda comendo igual uma louca e ouvindo as pessoas falarem nossa como vc esta gorda afff isso eu não quero pra mim não.
    bjinhos

    ResponderExcluir
  2. nem me fala que eu sou uma gorda em recuperação..
    e dificil viver de dieta..mas se eu comer normal vou engordar na certa..n tem jeito
    mas e a nossa realidade ne
    bjos e boa quinta

    ResponderExcluir
  3. MTO BOM ESSE TEXTO..EU ADOREI!! LEGAL MESMO!

    ResponderExcluir
  4. FÊ ameiiiiiii o texto, é verdade quem tem tendência a engordar e ja foi gorda tem que se cuidar o restooooo da vida não tem jeito...

    beijão

    ResponderExcluir
  5. E eu nem cheguei a este ponto ainda rs.rs.rs.
    Mas foi bom ler o texto
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Infelizmente é isso mesmo. Daqui pra frente é não descuidar da alimentação e mexer o corpo, senão engorda tudo de novo!

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Bah verdade, o segredo é que temos que mudar o modo de pensar, passar a ter um cérebro com pensamentos magros...
    Amei a postagem
    Bjão

    ResponderExcluir
  8. Bah verdade, o segredo é que temos que mudar o modo de pensar, passar a ter um cérebro com pensamentos magros...
    Amei a postagem
    Bjão

    ResponderExcluir
  9. Concordo inteiramente por experiência própria mesmo. Agora to atacando problema por todos os ângulos.

    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Poxa amiga, espero um dia dar o primeiro passo: emagrecer... rsrsrsrs, mas pode ter certeza que vou estar te seguindo, abraços.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar! Eu amo!!!

Votem, façam parte!